Apenas um resultado

Exibir sidebar
-33%
Fechar

Coroas de Espargo

8.99 5.99 com IVA
No primeiro ano do cultivo, os espargos não podem ser colhidos e só devem ser realizados operações culturais com vista a maximizar o desenvolvimento vegetativo da massa foliar, bem como tratamentos fitossanitários necessários para manter os espargos livres de pragas, doenças e infestantes. No segundo ano de cultura, realizam-se as mesmas operações que no primeiro ano, de modo a manter um bom desenvolvimento da cultura para que o sistema radicular se possa desenvolver e acumular reservas para os anos seguintes. Em alguns casos, a partir do segundo ano de cultivo, alguns espargos mas uma quantidade reduzida para não esgotar o as reservas das plantas. No terceiro ano de cultivo mantêm-se os cuidados com a cultura e inicia-se a colheita dos espargos, que poderá ser feita durante os próximos 7, 8 ou até mais anos seguintes, a sua produção nos últimos anos vai diminiuindo devido a problemas de pragas, doenças, infestantes e ainda o efeito de colheita atrás de colheita têm na planta, levando á diminuição da sua capacidade produtiva. Plante em um rego de cerca de 20 cm de profundidade e coloque uma coroa a cada 20 cm. Saco com 10 Unidades